• By Sharon Theimer

Mamografias de rastreamento e a vacina contra a COVID-19

1 março 2021
mulher fazendo mamografia

Relatos de algumas pacientes desenvolvendo inchaços dos nódulos linfáticos após a vacinação contra a COVID-19 levantou questões sobre se mamografias de rastreamento devem ser remarcadas devido a preocupações dessa descoberta ser confundida com um potencial diagnóstico de câncer de mama

"Se você tomou a vacina contra a COVID-19, ainda é importante que você vá fazer sua mamografia de rastreamento," diz a Dra. Kristin Robinson, radiologista da Clínica de Mama da Mayo Clinic na Flórida. "Avise seu técnico em mamografia que você tomou a vacina e em qual braço ela foi administrada. Essas informações ajudarão no entendimento das imagens da mamografia."

As vacinas que previnem a COVID-19 podem causar inchaço dos nódulos linfáticos embaixo do braço em que a vacina foi dada. Os nódulos linfáticos são parte do sistema imunológico do seu corpo que luta contra germes. O inchaço nos nódulos linfáticos é um sinal que seu corpo está respondendo à vacina e criando defesas contra o vírus.

"O câncer de mama pode apresentar nódulos linfáticos que ficam inchados embaixo de um braço," diz a Dra. Robinson. "Quando vemos isso em uma mamografia, sempre queremos avaliar mais a fundo e ter certeza que está relacionado à vacina e não a um novo câncer de mama."

Além de manter sua consulta para mamografia, é importante tomar a vacina contra a COVID-19 quando estiver disponível. Pacientes com câncer têm risco aumentado para desenvolvimento de doença grave vinda da COVID-19 e a vacina é uma ferramenta para ajudar a prevenir a infecção.

"As mulheres devem tomar a vacina contra a COVID-19, mesmo que tenham uma mamografia marcada," diz a Dra. Robinson.

Quando se trata de rastreamento preventivo ou tratamento médico, a Dra. Robinson adverte que os pacientes não esperem.

"É importante não esperar para rastrear o câncer de mama e é igualmente importante não esperar para receber cuidados para uma nova preocupação mamária, como a detecção de um nódulo," afirma a Dra. Robinson. "Se você tem um novo nódulo ou preocupação, seu médico vai recomendar os testes de mama por imagem apropriados. É importante não esperar por seu cuidado médico independentemente do que esteja acontecendo ao nosso redor no mundo. Mamografias de rastreamento regulares levam a detecção precoce do câncer de mama."


Jornalistas: trechos de áudio (em inglês) com qualidade para transmissão estão disponíveis nos downloads, no fim da publicação em inglês. Cortesia: "Dra. Kristin Robinson/Radiologia/Mayo Clinic."

JORNALISTAS: As informações neste artigo podem ser citadas e atribuídas à Mayo Clinic. Para entrevistar o Dra. Robinson ou qualquer especialista da Mayo Clinic, entre em contato com as relações institucionais da Mayo Clinic em newsbureau@mayo.edu.

Para a segurança de seus pacientes, equipe e visitantes, a Mayo Clinic tem políticas rígidas em vigor sobre o uso de máscaras. Qualquer pessoa sem máscara foi filmada antes da COVID-19 ou em uma área não designada para cuidado dos pacientes, onde distanciamento social e outros protocolos de segurança foram seguidos.

As informações nesta postagem estavam corretas no momento de sua publicação. Devido à natureza fluida da pandemia da COVID-19, o entendimento científico, juntamente com as diretrizes e recomendações, podem ter mudado desde a data de publicação original. 

Para mais informações e toda a nossa cobertura da COVID-19, acesse a Rede de Notícias da Mayo Clinic e mayoclinic.org.